quinta-feira, 26 de abril de 2012

Questão 10 (ENEM - 2001)

O texto foi extraído da peça Tróilo e Créssida de William Shakespeare, escrita, provavelmente, em 1601.

“Os próprios céus, os planetas, e este centro reconhecem graus, prioridade, classe, constância, marcha, distância, estação, forma, função e regularidade, sempre iguais; eis porque o glorioso astro Sol está em nobre eminência entronizado e centralizado no meio dos outros, e o seu olhar benfazejo corrige os maus aspectos dos planetas malfazejos, e, qual rei que comanda, ordena sem entraves aos bons e aos maus." 
(personagem Ulysses, Ato I, cena I). 
SHAKESPEARE, W. Tróilo e Créssida: Porto: Lello & Irmão, 1948.

A descrição feita pelo dramaturgo renascentista inglês se aproxima da teoria

(A) geocêntrica do grego Claudius Ptolomeu. 
(B) da reflexão da luz do árabe Alhazen. 
(C) heliocêntrica do polonês Nicolau Copérnico. 
(D) da rotação terrestre do italiano Galileu Galilei. 
(E) da gravitação universal do inglês Isaac Newton.

Nenhum comentário:

Postar um comentário